Entenda quais as diferenças entre: Fitoterapia, Homeopatia e Alopatia

 

A Fitoterapia, Homeopatia e Alopatia são formas de terapias medicamentosas usadas no combate das doenças e sintomas. Em tese os medicamentos homeopáticos são utilizados em pessoas sadias, enquanto os medicamentos alopáticos e fitoterápicos são geralmente utilizados em pessoas doentes. A diferença entre a Fitoterapia e Alopatia é que os medicamentos fitoterápicos são de origem exclusivamente vegetal. 


Instituto Schneersohn (kashmirpatriot.com)
Fonte: kashmirpatriot.com


Alopatia

A alopatia faz parte dos principais sistemas de medicação exercido pela medicina tradicional, caracterizado pela forma como agem em nosso corpo e exercem seus efeitos. Os medicamentos alopáticos produzem efeitos contrários aos da doença, ocasionando assim efeitos colaterais aos sintomas causados por elas. Com certeza você já ouviu falar em antibióticos, analgésico, anti-inflamatórios, antiácidos, antigripais, antimicrobianos, antialérgicos – sendo esses os principais e mais conhecidos dentre as drogas alopáticas. Devemos destacar que o uso indiscriminado de medicamentos alopáticos e sem acompanhamento médico podem fazer com que o organismo crie resistência aos seus efeitos e diminua a produção de anticorpos, o que enfraquece o sistema imunológico.

Homeopatia

A Homeopatia é baseado na cura pelo semelhante, ou seja, analisando corpo e mente e visando o paciente como um todo. A ideia é estimular o corpo a buscar o equilíbrio. Os medicamentos homeopáticos têm substâncias que causam os mesmos sintomas produzidos pela doença, mas em doses reduzidas, ou seja, o objetivo é induzir o organismo a reagir contra a doença, sem interferir nos mecanismos causadores da doença e nos mecanismos biológicos, funciona “similar” como as vacinas: você recebe o princípio e o corpo desenvolve a reação.

Fitoterapia

A fitoterapia age partindo do mesmo princípio da alopatia, com uso de substâncias que causam ações contrárias aos sintomas ou às alterações das doenças. Os medicamentos fitoterápicos são criados através de plantas medicinais que contêm compostos ativos, princípios e técnicas da botânica e da farmacologia, sempre comprovados por estudos e apesar de serem naturais, os remédios fitoterápicos apresentam grande número de substâncias químicas, ou seja, possuem substâncias com matéria química que atuam diretamente no corpo - o que os difere dentre os homeopáticos, terapia na qual os remédios têm ação física ao invés de química.

 

* Todos nossos artigos são desenvolvidos com único objetivo de trazer conhecimento geral. As informações contidas aqui não se destinam a tratar, diagnosticar, curar ou prevenir qualquer doença. Não incentivamos a automedicação e orientamos ser de extrema importância buscar orientações e ajuda de profissional médico ou profissional qualificado que destina-se às suas dúvidas e tratamentos adequados.



Escrito por Abraham Schneersohn

Pages